Pular para o conteúdo principal

Postagens

Seleção por competência para leigos.

O meu objetivo com esse artigo é te mostrar o caminho para a sua pesquisa e um passo a passo bem chinfrim pra leigos. Te garanto que estudando e se aprofundando você vai aprender muito mais. Conte comigo nos comentários para tirar as suas dúvidas! Eu já contei para vocês que no início da minha jornada como empreendedora eu conhecia muito pouco sobre gestão estratégica de equipe. Falei que não sabia como gerir um processo seletivo e em geral eu contava apenas com o aspecto da indicação. Algo que eu não contei foi uma grata surpresa da vida. Enquanto estava em uma das maiores turbulências da minha carreira eu recebi o suporte de uma grande amiga, Eliana Rosa, especialista em Recursos Humanos.     Nesse tempo eu já estava fazendo a minha formação em Leader Coach por indicação da minha amiga e sócia Monalissa Abreu. O curso me ajudou de mais a compreender melhor a minha equipe. Já com a ajuda da Eliana Rosa eu passei a ter uma visão mais sistemática da gestão estratégica da equipe da s

Minha jornada na gestão de pessoas.

Gostaria de descrever cada uma das fases que eu vivi enquanto empreendedora, porque sei que muitos dos meus leitores podem se identificar com cada uma delas.    Na primeira fase da minha jornada eu era uma tabeliã sem nenhuma experiência profissional no campo da gestão. Tudo o que eu conhecia sobre o tema eram os reclames da minha irmã, que dizia que "não podemos confiar em empregados" e os reclames do meu pai, que dizia "para que você vai se meter em negócio de cartório, arcar com contratações e depois ainda ter que responder processos trabalhistas?" Essa era a visão que eu tinha e por conta disso sempre pautei o meu procedimento na legalidade. Nessa primeira fase o pouco conhecimento que eu tinha foi determinante para que eu buscasse oferecer de forma correta todos os direitos dos meus colaboradores. Isso era tudo o que eu podia oferecer. Como vocês podem notar, gestão não é o forte da minha família, que sempre preferiu a tranquilidade do serviço público. Apesar d

Endomarketing em Cartórios. Funciona?

A palavra endomarketing foi utilizada pela primeira vez por Saul Faingaus Beking em 1995. Como se pode observar é uma expressão muito atual, mas não por isso retrata um tema de pouca relevância científica. Os estudos de Beking demonstram que o fomento desse tipo de marketing nas organizações é altamente eficaz para a melhoria da comunicação interna e produtividade de uma equipe, contribuindo inclusive para o aumento da sua coesão. O que é Endomarketing? A proposta do endomarketing é garantir uma linha de comunicação interna entre as pessoas que compõem uma organização de modo a possibilitar que a linguagem utilizada nesse ambiente esteja equivalente entre as pessoas que a compõe . Sabe quando você chega em uma família e todos falam a mesma língua? É mais ou menos isso que o endomarketing promove. As ações de endomarketing visam a esclarecer colaboradores sobre temas relevantes de qualquer natureza, como a visão da empresa, sua missão, seus objetivos e metas, seu posicionamento diante

Crise na liderança: Relacionamentos que vão de mal a pior.

Um dos maiores objetivos de uma boa gestão de equipe é garantir de forma prolongada a manutenção de talentos. Para isso é necessário conhecer os grandes potenciais e investir no desenvolvimento dessas pessoas. O problema ocorre quando eliminamos um colaborador do nosso "rol de potenciais" por um deslize cometido por essa pessoa e entramos em um ciclo vicioso de "confirmações" de que ela nunca foi uma potência. Você já viveu isso? Te convido a fazer uma análise que irá te ajudar a entender se você está nesse ciclo de relacionamentos que vão de mal a pior ou só está vivendo uma má fase. O ciclo do fracasso inevitável Jean-François Manzoni e Jean-Louis Barsoux descrevem em seu artigo "A síndrome do fracasso inevitável" publicado pela editora Sextante no livro 10 leituras essenciais Harvard Business Review a situação muito comum que começa quando o chefe começa a notar que o seu colaborador não está com o desempenho à atura do é esperado e começa a dedicar mai

3 perguntas que vão te ajudar a criar maior empatia com o seu colaborador no período da COVID

Estamos vivendo um momento desafiador em todas as serventias extrajudiciais. Além das dificuldades financeiras e administrativas temos um momento sensível no qual precisamos gerenciar os próprios sentimentos e os sentimentos da equipe , que na maioria das vezes são sentimentos complexos e profundos como os de medo, frustração, impotência. Esses sentimentos estão atrelados a fatos vivenciados no trabalho (medo de contaminação, medo de contaminar parentes, frustração por não estar contribuindo de forma efetiva para a sociedade por conta de uma suspensão do contrato de trabalho, impotência perante a possibilidade de uma demissão, etc) ou fatos da experiência familiar (dificuldades financeiras, problemas na educação dos filhos, stress causado pela "clausura", depressão de algum familiar). Diante disso, os líderes passam a ter uma função relevante para a criação de um ambiente harmônico e agregador. Uma das ferramentas mais eficazes para melhorar o clima organizacional são as

Gestão Proativa em tempos de Covid

Viver um momento de crise é desafiador para qualquer líder ou gestor. O sucesso da sua administração vai depender de como você está se preparando para os desafios diários, e nada melhor do que um tempo de qualidade consigo mesmo para refletir sobre os rumos que você deseja tomar na sua gestão. Há uma máxima que diz que "na crise surgem as maiores oportunidades de mudanças e melhorias", e os grandes líderes estão sim aproveitando esse tempo para colocar o serviço em ordem. Para não paralisar no tempo e aproveitar esse momento, gostaria de propor uma reflexão sobre o uso do seu tempo como líder e depois apresentar algumas sugestões para condução da sua equipe. 1) Comece pela análise SWOT: SWOT é um acrônimo para Stregth (Força) Weakness (Fraqueza) Opportunities (Oportunidade) e Threat (Ameaça). Para realizar essa análise você deverá dividir uma folha de papel em 4 quadrantes e escrever nela sobre cada um desses itens de acordo com a sua realidade atual. Você pode inclusive faze

Bem vindos!

Olá! Que bom que você nos encontrou! Geovana Dourado - Autora do Blog Extrajudi.com O Blog Extrajudi é o lugar ideal para você encontrar conteúdos e novidades sobre o mundo das Serventias Extrajudiciais , também conhecidas como Cartórios. Eu sou Geovana Dourado, a autora deste blog, e desejo apresentar para vocês, leitores, dicas, orientações e novidades desse mundo que me encanta tanto! A ideia do Blog surgiu porque há algum tempo eu venho produzindo conteúdo no Instagram, mas esse conteúdo não é tão fácil de ser localizado por leitores avulsos, enquanto o conteúdo de um Blog pode ser facilmente acessado pelo buscador do @google. O objetivo do blog é trazer informação escrita, fácil de ser pesquisada e localizada na internet. Acredito que aqui o conteúdo que tenho criado vai ser eternizado e também poderá alcançar um número bem maior de pessoas. Eu conto com você para compartilhar comigo as suas impressões e ideias e assim tornar esse blog um lugar de aprendizado para todos nós!